terça-feira, 20 de novembro de 2018

Refletindo o "NOVO TESTAMENTO" -- PARTE - 117


       Refletindo o "NOVO TESTAMENTO"                                 PARTE --- 117
Era tradição dos judeus em forma de lei que todo aquele que blasfemasse contra Deus deveria morrer, e eles tinham Jesus como um blasfemador, e por isso deveria morrer.
Quando Pilatos ouviu dos judeus estas palavras sentenciando Jesus a morte, estremeceu; porque sentiu responsabilidade em tudo o que estava acontecendo, e que poderia ser evitado.
Se isto tivesse acontecido e Pilatos não deixasse Jesus ser crucificado; o que seria de nós hoje? Com sua consciência pesada.
Pilatos ainda toma uma atitude a favor de Jesus, para ganhar mais tempo e pergunta a Jesus de onde Ele era.
Naturalmente que Jesus já estava cansado de tanta hipocrisia, e não quis responder, Pilatos insiste, porque não quer falar comigo? Não  sabes tu que eu tenho poderes para ti crucificar como posso também mandar te soltar?
Jesus resolve dizer que nenhum poder teria contra Ele, se de cima não fosse dado; porém aqueles que me entregaram a ti maior pecado tem, Jesus estava se referindo, aos sacerdotes e a Judas. E além disso seu pai estava permitindo o acontecimento. Pilatos com medo tenta soltar Jesus; mas os judeus clamavam, dizendo; se soltar este não és amigo de Cezar, e qualquer um que se fizer rei está se colocando contra Cezar.
Pilatos estava entre dois problemas se atende os judeus, estava sacrificando um inocente e não queria se colocar contra Cezar; em duvida resolveu atender os judeus e sai da presença de todos e cabisbaixo assentado em sua cadeira no tribunal.
Tudo estava acontecendo justamente quando estavam se preparando para páscoa, e aproximadamente à hora sexta, lá de onde Pilatos estava disse para os judeus, eis aqui o vosso rei; e eles bradaram: tira, tira crucífica o.
Respondendo Pilatos, mas hei de crucificar o vosso rei?
Os principais dos sacerdotes, dizia com toda voz; não temos rei, o nosso rei é Cezar.
 Não tendo mais nenhuma alternativa, Jesus foi entregue para ser crucificado.

                   ---- EJO ----- Continua



Nenhum comentário:

BLOG DO OLIVEIRA: "O PROFETA DE DEUS" -- PARTE - 08

BLOG DO OLIVEIRA: "O PROFETA DE DEUS" -- PARTE - 08 :                   "O PROFETA DE DEUS"                         ...